Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Belinha na Alemanha

Divagações sobre os disparates da vida e sobre essa cultura alemã que já não é totalmente um bicho de sete cabeças

Belinha na Alemanha

Divagações sobre os disparates da vida e sobre essa cultura alemã que já não é totalmente um bicho de sete cabeças

28.Nov.17

Vou enfardar Weißwurst em Munique e volto

E foi assim que em cima do joelho decidi que ia colar-me a uma amiga e viajar para Munique. É que quatro semanas em casa tem que dar frutos, se for em viagens fico feliz da vida e considero uma prenda de natal antecipada de mim para mim.

Pelas previsões vou ver mais neve em Munique do que em três anos a viver em Hamburg. Esta cidade nórdica é um encanto mas um engodo para quem pensa que vai experienciar o Natal branco. Buuuuhh! Sua traiçoeira só nevaste umas sete vezes desde que aí vivo mas chuva e tornados, esse combo já sabes tu dar com fartura, danada.

 

Dia 29 chego a Munique, no dia seguir vamos dar um pulinho a Áustria e conhecer a cidade berço de Mozart, Salzburg. E dia 1 de Dezembro vou ser uma pindérica princesa das Neves no castelo mais encantado da Alemanha, o sítio mais fotografado deste país e o postal de turismo mais conhecido? Dei tantas pistas, alguém sabe qual é?  

No outros dias há que conhecer a tradição e a gastronomia da Baviera em Munique. Dia 4 acaba-se o bem bom e volto a Lisboa, que não é nada má diga-se de passagem.

 

27760053-A9E8-410F-A8D8-6B5FC6456524.jpeg

76136F80-F51E-4EE8-A35F-4DD43A02C445.jpeg

Eu percebo o que pensam, quando vi da primeira pensei o mesmo, que merde coisa branca é esta? No entanto, provei e é delicioso e aquela mostarda mais o Brezel são divinais juntos. E eu e mostarda não somos bff. Sejam assim neste singelo modo apresentados ao típico pequeno-almoço da Baviera. Cerveja por vezes incluída...

3 comentários

Comentar post