Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Belinha na Alemanha

Divagações sobre os disparates da vida e sobre essa cultura alemã que já não é totalmente um bicho de sete cabeças

Belinha na Alemanha

Divagações sobre os disparates da vida e sobre essa cultura alemã que já não é totalmente um bicho de sete cabeças

27.Nov.17

Para ti e aquele comentário infeliz

Tu que comentas desse lado, quando a única coisa que tens a escrever é uma infelicidade de palavras, mostra de tamanha cobardia e malvadez. Pensa duas vezes, carrega em anular e não o faças.

Não por mim, eu não me comovo é que nem um pingo de irritação arrancas do meu estado de espírito. A sério, não o faças por mim fá-lo por ti. Sim por ti, que apesar de anónimo eu sei que quem escreveu é uma pessoa pequena de carácter, se tanto infeliz nessa vida que levas.

E sinto pena. Pena não, que como diz a minha mãe penas têm as galinhas, na verdade eu padeço com a pouca sorte e má educação que tu tens.

Bolas! Afinal até provocas algo em mim, que padeço por ti por uma fração de segundos, depois, confesso, desculpa, mas viras tema de conversa, se ficaste com as orelhas quentes já sabes do que foi.

Esta alminha de anónimo comentou isto, acreditam? E o que vem a seguir é que viraste o motivo da risota pegada.

E é profundamente triste que não chega seres malcriado e infeliz a escrever que também és bobo e nem sequer dos bons, visto que, amanhã já nem me lembro o que fizeste.

 

Por isso não o faças por mim, a sério, fá-lo por ti.

4 comentários

Comentar post