Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Belinha na Alemanha

Divagações sobre os disparates da vida e sobre essa cultura alemã que já não é totalmente um bicho de sete cabeças

Belinha na Alemanha

Divagações sobre os disparates da vida e sobre essa cultura alemã que já não é totalmente um bicho de sete cabeças

26.Nov.17

Eu também aderi ao Movember

Não ao crescimento do bigode ou de outras pilosidades no meu corpo. Não amigas, seja o que a moda parva ditar que vocês estão na bera, eu recuso em dar-vos liberdade de expressão na minha pele. Aniquiladas ou contidas não vos quero a esbardalhar.

 

Novembro foi o mês de ver-me livre do metal, dos pés aos dentes livrei-me de tudo. Adeus amiga de doze anos e afiliados. Adeus inquilino parvo que confinaste os meus dentes. 

 

É verdade, um ano e dois meses depois, tirei o aparelho dentário. 

WOOOOOW, mas quem é esta moça que está olhar-me de frente no espelho? 

Passado o entusiasmo inicial, larguei a nota preta e fui para casa. Isto foi na quarta, hoje é domingo e só penso em fazer branqueamento, é que os meus dentes estão direitos, perfeitos e bonitos mas amarelados. E eu nem sou preguiçosa a lavar os dentes, duas vezes por dia e estrago escovas a fazê-lo. 

Fui ver os preços e deu-me algo mal, explorei as hipóteses e descobri a possibilidade de fazer em casa que fica mais em conta. 

 

O problema é que não confio em mim para estas coisas, é como a depilação a laser, há quem compre a máquina e faça em casa, eu Deus me livre se tivesse que ser eu a provocar em mim aquela dor estupidamente acutiliante. Prefiro alguém que veja a minha nudez mas que seja sádico e arranque o mal pela raiz. 

 

Por isso estou ainda em campo exploratório a tentar decidir o que fazer. Algum de vocês já fez? Se sim, querem contar-me como foi? 

 

 

4 comentários

Comentar post